Dust in The Wind – Kansas

Há músicas que nunca saem da nossa memória, ora por ser uma música que marcou algo especial em nossa vida, ora por ser uma música que gostamos muito ou simplesmente por ser uma música que de tão bem feita fica no nosso inconsciente e volta e meia nos lembramos dela de uma maneira boa. Dust in the Wind da Banda Kansas é uma dessas músicas.

Foi composta por Kerry Livgren, um dos guitarristas da banda para o álbum Point Of Know Return, de 1977, e lançada como um dos singles do álbum. Segundo relatos, o dedilhado surgiu de uma série de exercícios que o guitarrista se forçou a fazer para se aperfeiçoar. Sua esposa apontou o potencial que aquelas notas tinham para formar uma canção. O guitarrista então escreveu um rascunho do que seria a letra, ainda indeciso se a apresentaria para a banda, pois a composição em nada se parecia com as demais músicas da banda para aquele álbum. Por fim, ele decidiu defendê-la, e a banda inteira concordou em gravá-la.

Muitas pessoas tomam essa canção como uma música romântica, quando seu tema principal são os aspectos efêmeros e passageiros da vida e mostra como somos frágeis não importa quem somos e qual a classe social.

A canção foi regravada por Scorpions, Sarah Brightman, Lou Reed, Neil Diamond, entre outros grandes artistas de expressão. Aqui no Brasil, a cantora Paula Fernandes também a gravou, batizando inclusive o seu álbum de 2006 com o nome da canção e, a dupla sertaneja Chrystian & Ralf  gravou uma nova versão da música, em português, intitulada  “Poeira no Vento” lançada no álbum Estação Paraíso em 1999. Confira abaixo esse clássico e deixe nos comentários sua opinião. :)

 

Música: Dust in the Wind
Artista: Kansas
Compositores:
Kerry Livgren
Lançamento: 1977
Gravadora:  KirshnerJosyAssinatura

2 ideias sobre “Dust in The Wind – Kansas

  1. Conheci esta música através do memorável acústico do Scorpions, banda que sou fã até hoje.
    Uma linda canção. Esta banda, o Kansas tem outras excelentes músicas como por exemplo More Than A Feeling que já foi regrava pela banda Boston!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *